quinta-feira, 17 de junho de 2021

OPERAÇÃO DA POLÍCIA CIVIL PRENDE MANDANTES DE ASSASSINATO NA AVENIDA LITORÂNEA

                                      


A Polícia Civil do Maranhão através da Superintendência de Homicídios e Proteção à Pessoa, (SHPP ) cumpriu nesta quinta-feira, (17) dois mandados de prisão temporária e seis de busca e apreensão.  A ação  faz parte da " Operação Guilhotina" deflagrada para investigar crimes praticados por criminosos envolvidos com máquinas caça niqueis e lavagem de dinheiro. A investigação foi iniciada depois do assassinato de Bruno Vinicius Nazon Moraes, 31 anos. Ele foi executado a tiros no dia 12 de fevereiro deste ano em um bar na Avenida Litorânea.  De acordo com as investigações os dois homens presos ontem no bairro Turu , seriam os mandantes do crime. Bruno teria sido executado por dois ex-policiais militares do Rio de Janeiro que seriam ligados à milícia.  O crime teria sido motivado pela disputa da exploração de jogos clandestinos em São Luís, (MA ). Bruno seria integrante de uma organização de Goiânia e que disputa o controle de máquinas caça niqueis com a organização do Rio de Janeiro. Os policiais cumpriram mandados de busca e apreensão nos bairros Turu, Calhau ,Olho d'Água e Liberdade. Nos enderecos dos envolvidos os polícias apreenderam documentos e dinheiro da contravenção. As investigações continuam com o objetivo de identificar outros envolvidos com a quadrilha. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário