sábado, 30 de janeiro de 2021

CINCO PESSOAS PRESAS POR ENVOLVIMENTO NA MORTE DE CORONEL DA PMMA

                                       
                                         
                                       
                                        
                                          
Cinco pessoas envolvidas na morte do tenente coronel Ronilson Gomes Pinto , foram presas por policiais da Diretoria de Assuntos Estratégicos da Polícia Militar do Estado do Maranhão,  (DIAE ). Todos os acusados foram apresentados na Superintendência de Homicídios e Proteção a Pessoa, (SHPP).  Os envolvidos no crime foram identificados como Cleyton Silva de Sousa, conhecido como " Doia " , (Residencial Pinacó), ,Welyson Felipe de Abreu, o  "Lipe" (Vila Embratel), Rodson Barbosa Miranda, conhecido como " Nhok", (EIT Vila Isabel), Arlysson Cardoso Lindoso,conhecido como "Neném ", ( Anjo da Guarda) e a namorada dele Amanda Maria Lopes Paz, (Condomínio Rio Grajaú no Turu). 
VÁRIOS ASSALTOS 
O grupo seria responsável por uma série de assaltos registrados na capital e todos seriam integrantes de uma facção criminosa.  Com eles foi apreendida a importância de cerca de R$ 2 mil reais,  um veiculo Onix de placas OXJ-9820. Além de outros objetos. O tenente coronel Ronilson foi morto a tiros na quinta-feira, (28) durante um assalto em sua residência no Conjunto Residencial Pinheiros . Os disparos que resultaram na morte do oficial da Polícia Militar  teria sido efetuados por Arlysson Cardoso.  Todos foram encaminhados para a SHPP.

11 comentários:

  1. Kkķkkk...isso aí é só uma midiazinha pra calar o povão...DAQUI a alguns dias tá todo mundo na rua.TODO MUNDO É CONHECEDOR DA REALIDADE NO MARANHÃO...QUEM PERDE A VIDA É QUE FICA PRESO PRO RESTO DA VIDA.POR ISSO QUE CADA DIA SINTO MAIS NOJO DESTE ESTADO.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo em parte com seu comentário. A culpa não é da polícia, a culpa é do judiciário e dos legisladores que fazem leis que não metem medo em bandido, se puxar a ficha desses aí, vão ver que já têm passagens pela polícia.

      Excluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Infelizmente a justiça solta...jaja

    ResponderExcluir
  4. Logo logo eles estão solto pra continuar matando, bandidos só morto mesmo Deus que me perdoe 👍

    ResponderExcluir
  5. Esses daí já cavaram a cova deles foram matar polícia , muito triste tão novos , só JESUS !

    ResponderExcluir
  6. O advogado deles que apresentou todos, já vão ser solto porque não foi flagrante

    ResponderExcluir
  7. O que me deu mais ódio nesse caso foi a loucura dos dois policiais que executar am de forma cruel o policial civil...vindo de trabalho do interior e teve a vida ceifada daquela forma feito um bicho.segundo JÁ foi esclarecido a história que os amigos do tenente sairam na noite a procurar de resposta imediata e acabaram TIRANDO A VIDA DE UM INOCENTE E SABE DEUS A POEIRA QUE AINDA ESTÁ EMBAIXO DESSE TAPETE.

    ResponderExcluir
  8. Quem conhece DIREITO Sabe claramente que esse caso do policial civil morto na upa pelos PMs não tem nada haver com FOGO AMIGO...ALI SIMPLESMENTE OCORREU UMA EXECUÇÃO SUMARIAMENTE DITA E EXPRESSA A OPINIÃO PÚBLICA.

    ResponderExcluir