domingo, 19 de janeiro de 2020

FUNCIONÁRIOS TERCEIRIZADOS USAM VIATURA DA POLÍCIA CIVIL PARA PRATICAR CRIMES

                                     
Uma viatura caracterizada da Polícia Civil do Maranhão vinha sendo utilizada para a prática de assaltos. Os crimes eram praticados por três homens que seriam contratados para prestarem serviços como motoristas para a Secretaria de Segurança Pública. Imagens obtidas pela policia mostram o trio agindo na viatura fazendo diligências e abordagens. A viatura pertence a 3° delegacia no Conjunto Radional e era retirada do pátio pelos acusados que armados se passavam por policiais civis para praticarem os crimes.

USO INDEVIDO  DE VIATURAS
O uso indevido da viatura foi descoberto depois que os falsos policiais tomaram no bairro da Vila Palmeira uma moto de placas OXX-9758. A vítima desconfiando da ação dos supostos policiais pediu ajuda da Polícia Militar. Com as informações repassadas pela vítima os policiais militares conseguiram localizar a moto e a viatura que já havia sido deixada no pátio da delegacia pelos criminosos. Os três estão identificados mas não foram localizados. A moto apreendida foi devolvida para o proprietário e o caso foi encaminhado para a Corregedoria da Polícia Civil. Em dezembro do ano passado uma outra viatura vinha sendo usada de forma inadequada pelo coronel Marco Antônio Terra Shutz.  Ele entregou a chave de uma viatura da Polícia Militar do Estado do Maranhão para o seu filho ir para uma balada. O rapaz não era habilitado e assim que a viatura foi retirada em uma barreira policial na Avenida dos Holandeses o coronel Terra foi até o local e tratou de liberar o veículo e o filho. O caso está sendo apurado em um inquérito aberto pelo comando da Polícia Militar do Estado do Maranhão. 
                                       


                                       

3 comentários:

  1. Embora a viatura esteja caracterizada com a logomarca do 3DP, a mesma já havia sido devolvida à SPCC há cerca de seis meses. Não é verdade que referido veículo tenha sido localizado no pátio da referida delegacia.

    ResponderExcluir
  2. Independentemente de onde estava ou de onde seja a viatura é necessário um esclarecimento por parte da SPCC, a população e a corporação precisam saber quem é o responsável pela guarda é uso da viatura, caso contrário quando uma viatura abordar um cidadão ficará a duvida: é polícia ou bandido?

    ResponderExcluir
  3. é difícil hoje acreditar quem é polícia e bandido

    ResponderExcluir