quinta-feira, 3 de outubro de 2019

MATADOR DE TERCEIRIZADOS DA CEMAR É CONDENADO A MAIS DE 25 ANOS DE CADEIA

Foi condenado a 25 anos e nove meses de prisão o homem identificado como Pablo Martins da Silva.  Ele é acusado de ter assassinado a tiros os eletricistas Francivaldo Carvalho da Silva e João Vitor Melo. Os dois trabalhavam para a empresa Consórcio Norte que presta serviço para a Companhia Energética do Maranhão, (CEMAR). A sessão do Tribunal do Juri que resultou na condenação do acusado foi realizada no municipio de Paço do Lumiar e foi presidida pelo juiz Roberto de Paula. Na sua sentença o magistrado determina que a pena seja cumprida inicialmente em regume fechado. 

EXECUÇÃO
O crime e ocorreu no dia 15 de janeiro deste ano na rua B no Sítio Natureza, (Paço do Lumiar). As vítimas estavam no local cumprindo ordem de serviço para fazer a suspensão do fornecimento de energia elétrica de clientes inadimplentes. Eles cortaram a energia da casa do acusado e seguiram fazendo o trabalho pelo bairro. Ao tomar conhecimento de que havia ficado sem energia Pablo armou-se com um revólver e juntamente com o irmão que na época era adolescente foi a procura das vítimas. João Vitor e Francivaldo foram surpreendidos pelos criminosos que chegaram atirando nos prestadores de serviço da Cemar.  Os dois eletricistas morreram no local e Pablo foi preso dias depois e confessou a autoria do crime. Após a leitura da sentença o acusado foi levamos de volta para o Complexo Penitenciário São Luís onde deve cumprir a pena.
                                          

Nenhum comentário:

Postar um comentário