quinta-feira, 5 de setembro de 2019

PRESO HOMEM ACUSADO DE MATAR MULHER QUE ESTAVA DESAPARECIDA HÁ MAIS DE 4 MESES

Agentes da Superintendência de Homicídios e Proteção a Pessoa, (SHPP), prenderam na tarde desta quinta-feira, (5) o homem identificado como José Ribamar Silva Saraiva, conhecido como "Riba". Ele é o principal suspeito do assassinato de Elayne Ingridy Diniz Pereira. Ela estava desaparecida desde abril deste ano quando saiu de casa na comunidade do Jucatuba na Zona Rural para visitar parentes no São Cristóvão e pagar algumas contas. Elayne nao chegou ao seu destino e Polícia Civil começou a investigar o caso. 
ACHADO DE CADÁVER 
Os familiares da vítima fizeram várias manifestações  cobrando da Secretária de Segurança a elucidação do caso. Para o familiares até então o principal suspeito seria o companheiro de Elayne identificado como José Lázaro. Ele sempre negou envolvimento no crime. O corpo da mulher desaparecida só foi encontrado no último dia 26 de agosto em um matagal  por trás do Hospital Carlos Macieira no Calhau. Os exames realizados no IML confirmaram que o corpo era da mulher que estava desaparecida.  Nas investigações a polícia concluiu que José Ribamar seria o autor do crime . De acordo com os que foi apurado pela policia "Riba", foi a última pessoa ser vista em companhia de Elayne no dia do desaparecimento no Terminal da Integração do São Cristóvão. O acusado vivia assediando a vítima e sempre frequentava a casa de Elayne e Lázaro e até se ofereceu para ser padrinho da filha do casal. A polícia suspeita que José Ribamar tenha tentado manter um  relacionamento extra conjugal com a vítima e teria atraído Elayne para o local onde acabou matando e escondendo o corpo da vítima.  O acusado teve a prisão decretada pela Justiça. 
                                         

Nenhum comentário:

Postar um comentário