quarta-feira, 25 de setembro de 2019

COM A AJUDA DE FAMILIARES PRESIDIÁRIO CONTROLAVA O TRÁFICO DE DENTRO DA PENITENCIÁRIA

Quinze pessoas foram presas nesta quarta-feira, (25) durante uma operação realizada pela Superintendência Estadual de Combate e Repressão ao Narcotráfico, (SENARC ) . A ação foi deflagrada  em vários bairros de São Luís, (MA). Mais uma vez a investigação da Polícia Civil acabou detectando envolvimento de presos que mesmo custodiados no Complexo Penitenciário de Pedrinhas, continuam comandando atividades criminosas. Na operação intitulada "Forseti" , foram presos José Ribamar Macedo Máximo, o "Ribinha" , Vânia Lúcia Melo do Nascimento, Lucas Mateus dos Santos Máximo, Fabiana Macedo Máximo, Maria do Socorro Diniz Macedo, Roberto Rivelino Mendes Costa,  Sílvia Nunes de Sousa, Euline Magnólia Máximo dos Santos, Nubia Lopes da Silva,Jackson Albert Sá dos Santos, Hellington Florêncio Ferreira, conhecido como "Viola", Nilton César Cutrim Percilio, Rosa Cristina dos Santos Silva, Maria José dos Anjos Silva e Raylana Almeida Silva. Foram vários meses de Investigações onde os policiais concluíram que o esquema de vendas e distribuição de drogas na área do João Paulo e adjacências era comandado pelo presidiário "Ribinha". Ele contava principalmente com a ajuda de familiares que coordenavam o tráfico e administravam as finanças.  Além dos mandados de prisão a polícia cumpriu também  mandados de busca e apreensão. Todas as pessoas presas foram ouvidas na SENARC e em seguida encaminhadas para o Complexo Penitenciário São Luís.
                                   

                                                                     
                                     

Nenhum comentário:

Postar um comentário