quinta-feira, 27 de junho de 2019

MULHER AFOGA O PRÓPRIO FILHO NO BALDE E VAI SE ENTREGAR NA DELEGACIA DA CIDADE OPERÁRIA

A mulher identificada como Zilpa Soares da Silva, 27 anos se apresentou na Delegacia Especial da Cidade Operaria depois de matado o próprio filho de apenas 4 meses. Ela afogou a criança em um balde na parte da lavanderia da casa onde mora naquele bairro. Após o crime ela foi até  a delegacia onde disse a agente de plantão que queria registrar uma ocorrência. Assim que ela relatou que tinha matado o próprio filho os policiais resolveram ir com ela até o local.  Ao chegarem na casa acabaram deparando com o bebê com a cabeça mergulhada em um balde. Zilpa foi levada de volta para a delegacia onde foi interrogada. Ela disse que matou a criança por não ter condições de criá-la porque esta separada do pai e agindo assim evitaria o sofrimento do bebê.  Pelo que a polícia apurou Zilpa tem problemas de esquizofrenia.  Em função disso ela deve passar por uma avaliação médica dentro das próximas horas. O corpo do bebê foi encaminhado para o IML.
                                   

Nenhum comentário:

Postar um comentário