terça-feira, 9 de abril de 2019

POLÍCIA CIVIL PRENDE MEMBROS DE FACÇÃO CRIMINOSA E.INVESTIGA ENVOLVIMENTO DE ADVOGADAS

Dez pessoas acusadas de fazerem parte de ficções criminosas foram presas nesta terça-feira, (9) durante a operação "Alvo Certo" desencadeada pela Polícia Civil.  Ao todo 83 policiais cumpriram 23 mandados de busca e apreensão em vários pontos da Região Metropolitana. Inclusive nos escritórios de três advogadas que estão sendo investigados por suspeita de envolvimento com o crime organizado. Nos escritórios das acusadas localizados no Vinhais,  Liberdade e Cohab os policiais apreenderam computadores, aparelhos de telefone celular e documentos. As advogadas seriam responsáveis em trazer as ordens dadas de dentro da cadeia para serem executadas pelos membros da facção aqui fora. Elas também estariam responsáveis pela elaboração de um novo estatuto para a organização criminosa.
PRESOS
Os acusados presos foram identificados como: Suena Gusmão Cabral, (Vila Riod), Dario Fonseca Oliveira, (Cohatrac), Rubenal Silva Filho, (Pirapora), Jhonyson Visgueira Gomes, (São José de Ribamar), João Carlos dos Santos Vieira,  (Tirirical), Janaina Serra, (Cantinho do Céu ), Davi Andrade, (Cantinho do Céu), Lílian Silva Rodrigues, (Cantinho do Céu) e Robson Douglas Gomes de Oliveira, preso no Sacavém. Com os acusados a polícia apreendeu droga, livros de contabilidade do tráfico e também fichas de recrutamento para facções criminosas.
                                       




Nenhum comentário:

Postar um comentário