terça-feira, 30 de abril de 2019

MILICIANOS :POLICIAIS MILITARES PRESOS ACUSADOS DE ENVOLVIMENTO EM ASSALTOS E PISTOLAGEM

     
 
         
Uma operação deflagrada pela Secretaria de Segurança Pública com apoio do Grupo de Especial de Combate à Organizações Criminosas do Ministério Público Estadual, (GAECO) resultou na prisão de cinco policiais militares nas cidade de Caxias, Coelho Neto e Aldeias Altas, (MA). Eles são acusados de comandar uma milícia que age na região praticando crimes de encomenda e até assalto a Instituições financeiras. Dentre os pesos estão os policiais militares Enedito Silva, Raimundo Nonato Lima Chaves, conhecido como "Nonatão",Sérgio Adriano Nunes,  Valmara Mourão Carvalho e Evandro Oliveira Santos. A operação que recebeu o nome de "Balaiada" resultou na prisão de quatro policiais militares em Caxias e um em Aldeias Altas.  Também foram presos os pistoleiros identificados como Antônio Simião, o "Toinho" (foto) e Cícero da Silva (foto).  Um outro matador de aluguel conhecido como "Paulo Bala" ainda está sendo procurado pela polícia.
ESCRITÓRIO DO CRIME
De acordo com as investigações os policiais eram integrantes de uma milícia e aceitavam propostas para crimes de encomenda e agenciavam os pistoleiros para executarem as vitimas. O padre de Aldeias Altas estaria na mira dos criminosos e para não morrer teve que fugir da cidade e se esconder em São Luís.  Os policiais militares Enedino e "Nonatão", teriam fortes ligações com o prefeito daquela cidade  Zé Reis . Policiais civis de Caxias, Codó ,Timon e do Centro Tático Aéreo,  (CTA) continuam na Região cumprindo mandados de prisão e busca e apreensão.              



Nenhum comentário:

Postar um comentário