terça-feira, 6 de novembro de 2018

PM PRENDE ASSALTANTES DA C&A E NA DELEGACIA ELES SÃO LIBERADOS PELA DELEGADA

Homens do Grupo Tático Móvel (GTM ) do 6- Batalhão da Polícia Militar conseguiram prender integrantes da quadrilha que assaltou nesta segunda -feira, (5) a loja C&A localizada no Shopping Pátio Norte na rodovia MÁ-201, (Estrada de São José de Ribamar ).  Durante o roubo na loja a quadrilha levou vários aparelhos de telefone celular e tabletes. O roubo foi desvendado  com a prisão de Luís Felipe Veiga Martins no momento em que ele tentava vender um dos celulares roubados para Carlos Jorge Rodrigues na praça do Viva na Cidade Operária. Os dois foram presos e além do celular roubado, foi apreendida  uma moto Honda Twister .
TORNOZELEIRA
Ao receber voz de prisão Luís Felipe disse que havia recebido o celular das mãos do homem identificado como Carlos Augusto Silva Lopes, conhecido como " Gugu  Pagodeiro". De posse das informações os policiais partiram a procura de " Gugu " e ao chegarem na casa dele não  o encontraram. Mas descobriram que ele estava usando uma tornozeleira eletrônica . A guarnição então pediu apoio a Secretaria de Estado da Administração Penitenciária, (SEAP), com o objetivo de localizar o acusado. Horas depois através do monitoramento. "Gugu" , foi localizado na rua do Limão no Conjunto Lima Verde, (Paço do Lumiar ). No local foi apreendIdo um veículo Fiat Argo de placas PPA -3172 que foi utilizado no assalto . No mesmo local também foi presa a mulher Thalia dos Santos da Silva. De acordo com a polícia ela teria dirigido o veículo na fuga da quadrilha. Com o casal também foi apreendida uma certa quantidade de maconha. Com as prisões a polícia  chegou ao nome de Renan Costa Santos, conhecido como "Esquilo " também acusado de envolvimento no crime. Ao perceber a aproximação dos policiais "Esquilo " , dispensou alguns dos celulares roubados que estavam com ele. Ao ser preso ele confessou a sua participação no crime e na casa dele foi encontrada a camisa utilizada por ele na prática do delito coinforme provas obtidas através  de imagens das câmeras de segurança do shopping. Após as prisões os acusados com todos os objetos recuperados foram encaminhados para a Delegacia Especial da Cidade Operária. No entanto apesar de todo esforço e empenho dos policiais militares a delegada de plantão decidiu autuar em flagrante somente o Luís Felipe, por crime de receptação . Os outros envolvidos foram ouvidos como testemunhas e em seguida liberados
                                                             


Nenhum comentário:

Postar um comentário