quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

ABERTO PROCEDIMENTO PARA EXPULSAR DA PM MAJOR QUE XINGOU O GOVERVADOR FLÁVIO DINO


Por determinação do comandante geral da Policia Militar do Estado do Maranhão, coronel José Federico Pereira  foi aberto naquela instituição um Conselho de Justificação contra o major Jenilson Cordeiro Lindoso. O Conselho julga através de processo especial a incapacidade do oficial permanecer na ativa. O major foi preso em setembro do ano passado após ter divulgado alguns áudios onde insultava o governador Flávio Dino, (PC do B). Na época o militar era lotado no 3º Batalhão da Policia Militar na cidade de Imperatriz, (MA) e teria se insurgido contra o governador pelo fato de não aceitar a transferência  para São Luís no período das eleições municipais. Nas criticas ao governador o major disse que a transferência tinha conotações políticas já que ele e outros policiais não apoiavam a candidata Rosângela Curado, (PDT), que era apoiada por Flávio Dino. O major acabou sendo preso e conduzido para o quartel do comando geral em São Luís.  O militar ficou alguns dias preso  e em seguida foi posto em liberdade por determinação da justiça. Atualmente o major Jenilson  esta de licença premio e ocupa o cargo de secretario de Esportes e Juventude da Prefeitura Municipal de Imperatriz. Os advogados do  militar alegam que ele não pode ter a sua licença sustada para ser submetido ao Conselho de Justificação já que isso só poderia ocorrer em casos de Guerra ou calamidade pública.

Nenhum comentário:

Postar um comentário